Posts Tagged ‘nelsinho batista

17
ago
08

Links: Sport 0 x 1 Botafogo

– Blog do Torcedor: Domingo para Esquecer

– Blog dos Números: Série A: Sport tropeça diante do Botafogo

– GloboEsporte.com: Botafogo vence o Sport e chega ao G-4

– GloboEsporte.com: Magrão destaca força do Botafogo

– MeuSport: Sport volta a perder em casa

– MeuSport: Luciano Henrique 15 dias no DM, no mínimo

– MeuSport: Moacir lamenta o gol contra

– Revista Placar: Botafogo ganha a quinta seguida e entra no G-4

– Revista Placar: Moacir: fiz gol contra

– Revista Placar: Após derrota, Nelsinho pede apoio da torcida

– Site Oficial: Sport perde na Ilha do Retiro

– Site Oficial: Nelsinho pede apoio à torcida

– SportNet: Sport perde para o Botafogo na Ilha do Retiro

– JC OnLine: Sport não passa pelo Bota

Anúncios
10
ago
08

Pós-Jogo: Coritiba demonstra superioridade e bate o Sport por 3×0

homem do jogo.

Keirrison: homem do jogo.

Escrevi há algum tempo aqui mesmo, após o jogo contra o Atlético Mineiro: “E a cada rodada a fala dos analistas esportivos acaba mais clara pra mim: o Sport é um time sem metas, sentado por sobre um título e a falsa segurança de continuar por mais um ano na elite nacional. Se quiserem brigar pelo título, por favor, comecem a demonstrar isso. Já dá pra contar em mais de uma mão as vitórias perdidas por falhas terríveis e falta de atitude em campo.” Nada mudou.

Conquistar a vitória no Couto Pereira era missão complicada. Embalado com dois resultados positivos fora de casa e a presença brilhante de Keirrison, o Coxa viria com tudo para dar mais um presente a sua torcida. E assim foi feito. 3 x 0 no apagado Sport.

Sofremos novamente um apagão, como os vividos durante a Copa do Brasil. O primeiro gol – na falta de “diálogo” entre nossos maiores defensores – não deu o tapa necessário para acordar o time. Apenas depois do segundo vi o time reagir, avançar a marcação para o meio campo… E só.

Tão sucinto quanto o futebol do Leão, será meu comentário. Não vou apontar culpados. Todos são.

Deixo apenas um conselho. Torcida: se a meta for o título, chegou a hora de cobrar.

GOLS:

O sufoco imposto pelo Coritiba nos primeiros minutos surtiu efeito, porém, obteve seu sucesso graças ao acidente na nossa área. Aos 15 minutos Keirrison toca para Marlos dentro da área, com a fácil sobra Durval tenta proteger e toca com o braço na bola, desviando-a de Magrão. Marlos aproveitou a confusão e concluiu para o gol vazio.

29 minutos do primeiro tempo. Na cobrança de escanteio, numa marcação até agora bastante duvidosa a meu ver, Durval teria empurrado Maurício dentro da área – pênalti. Keirrison cobra e Magrão espalma, para o rebote do jovem atacante, prontamente efetivo. 2 x 0.

Aos 9 minutos da segunda etapa Marlos furou a defesa rubro negra, enfiando boa bola para Keirrison, que se aproveitou da tentativa de linha de impedimento mal feita por Durval, entrou livre na área e deu um toque de classe na saída de Magrão para fazer 3 a 0. Vamos ver até quando o jogador continuará no futebol nacional.

CLASSIFICAÇÃO:

Com a derrota de hoje o Sport segue na 9ª posição, com 27 pontos. No próximo domingo (17) temos um encontro com o Botafogo, na Ilha do Retiro. Temos a obrigação de lotar nossos domínios e empurrar o time.

– FICHA TÉCNICA: CORITIBA-PR 3 x 0 SPORT-PE

Local: Estádio Major Antônio Couto Pereira, em Curitiba (PR)
Data: 10 de agosto de 2008, domingo
Horário: 16 horas (de Brasília)
Árbitro: Willian Marcelo Souza Nery (RJ)
Assistentes: Hilton Moutinho Rodrigues (Fifa/RJ) e Jair Albano Felix (MG)
Cartões amarelos: Keirrison, João Henrique (Coritiba); Gabriel, Moacir (Sport)
Gols: CORITIBA: Marlos, aos 16 minutos do primeiro tempo; e Keirrison, aos 28 minutos do primeiro tempo e aos 9 do segundo.

CORITIBA: Vanderlei; Maurício, Nenê e Rodrigo Mancha; Rodrigo Heffner, Alê, Carlinhos Paraíba, João Henrique (Henrique Dias) e Rubens Cardoso; Marlos (Ricardinho) e Keirrison (Hugo).
Técnico: Dorival Junior.

SPORT: Magrão, Luisinho Netto, Gabriel, Durval e Dutra; Daniel Paulista, Moacir (Junior Maranhão), Francisco Alex (Juninho) e Luciano Henrique; Carlinhos Bala e Roger (Joelson.
Técnico: Nelsinho Baptista.

– MAIS DETALHES SOBRE O JOGO?

04
ago
08

Pós-Jogo: De novo? Acaba a seqüência de resultados positivos e Sport levanta “defunto” – Atlético Mineiro 2 x 1 Sport

o começo da virada.

Marques: o começo da virada.

Todos sabiam: não seria fácil. A queda do treinador Gallo após a goleada de 6 x 1 sofrida diante do Vasco e a recepção nada festiva por parte da torcida, com pipoca e tudo na quinta-feira, surtiu algum efeito. No ano do seu centenário, apesar do elenco indigno (até agora) de entrar para a história de carona neste marco, o Atlético Mineiro ainda não se rendeu e não se renderá. Mesmo tomando goleadas vergonhosas fora dos seus domínios, no Mineirão ainda era rei e o Sport precisava usar esse jogo de emoções a seu favor. O contragolpe do Galo logo após o milagre de Roger demoliu nossas pretensões. E a cada rodada a fala dos analistas esportivos acaba mais clara pra mim: o Sport é um time sem metas, sentado por sobre um título e a falsa segurança de continuar por mais um ano na elite nacional. Se quiserem brigar pelo título, por favor, comecem a demonstrar isso. Já dá pra contar em mais de uma mão as vitórias perdidas por falhas terríveis e falta de atitude em campo.

Enganou-se o torcedor rubro-negro, crente numa seqüência fácil de bons resultados diante dos “fracos times” da competição. Cuidado com a fraca Portuguesa.

Os gols:

Mais uma vez contra-atacando o Sport encontrava muita facilidade. Luciano Henrique recolhia os lançamentos longos e distribuía bem. Num desses lances, caindo pela esquerda, deixou a bola pronta para Roger que apenas cutucou. Foi quase um trabalho de parto aos 14 minutos da primeira etapa. 0 x 1.

Porém a luz mesmo estava do outro lado. Menos de 1 minuto depois Marques recebe a bola na entrada da área e bate forte. Magrão, meio sem jeito, aceita o gol. É o início da virada. Depois disso o jogo foi ficando morno, feio, até que…

Aos 32 minutos do segundo tempo, o sérvio Petkovic cobra o escanteio, a defesa do Sport não sobe e Gedeon só tem o trabalho de desviar no primeiro pau. É a virada atleticana, quando mais ninguém esperava.

Classificação:

O time da Praça da Bandeira cai 3 posições, assumindo agora o 10º lugar, com injustos 24 pontos. Quarta-feira temos a obrigação de ocupar a Ilha do Retiro e mais uma vez botar fogo na equipe. O encontro dessa vez será contra a Portuguesa, às 20:30.

– FICHA TÉCNICA: ATLÉTICO MINEIRO-MG 2 X 1 SPORT-PE

Local: Mineirão, em Belo Horizonte (MG)
Data: 3 de agosto de 2008
Horário: 18h10 (em Brasília)
Árbitro: Djalma José Beltrami (Fifa-RJ)
Assistentes: Wagner de Almeida Santos (RJ) e Marrubson Melo Freitas (DF)
Cartão amarelo: Calisto (Atlético-MG)
Gols: ATLÉTICO-MG: Roger, aos 14, e Marques, aos 15 minutos do primeiro tempo.
SPORT: Gedeon, aos 32 minutos do segundo tempo.

ATLÉTICO-MG: Édson; Mariano, Nen, Leandro Almeida e Calisto; Rafael Miranda, Serginho, Márcio Araújo (Gedeon) e Petkovic; Marques (Raphael Aguiar) e Jael (Lenílson)
Técnico: Marcelo Oliveira

SPORT: Magrão; Luisinho Netto; Gabriel, Durval e Dutra; Moacir (Sandro Goiano), Daniel Paulista, Júnior Maranhão e Carlinhos Bala (Enílton); Luciano Henrique (Ciro) e Roger
Técnico: Nelsinho Baptista

– MAIS DETALHES SOBRE O JOGO?

27
jul
08

Pós-Jogo: Durval dá ao Sport sua primeira vitória fora de Recife, no reecontro da equipe com Romerito – Goiás 1 x 2 Sport.

Júnior Maranhão coroa sua boa exibição com um gol.

Júnior Maranhão coroa sua boa exibição com um gol.

Jogando no contra-ataque o Sport aproveita as escassas oportunidades e conquista sua primeira vitória fora de Recife, acabando com a seqüência invicta do Goiás. As ausências de Fumagalli, Daniel Paulista e Sandro Goiano fizeram muita falta ao time, durante um jogo carente de armação e objetividade, com a criação a cargo de Luciano Henrique e Carlinhos Bala, jogadores apagados na tarde de hoje. O grande destaque da partida talvez seja mesmo a boa estréia de Moacir, jogador bastante seguro e mostrando serviço num jogo complicado.

Os Gols:

Aos 32 da etapa inicial, Luciano Henrique, em jogada individual, foi derrubado perto da grande área. Júnior Maranhão cobrou, de direita, forte e rasteiro, no canto direito de Harlei: 1 x 0.

O Goiás reage e logo após, numa jogada iniciada por Schwenck que dominou a bola perto da meia-lua e tocou para trás. Vítor, um dos destaques da partida, vinha de trás e mandou uma bomba, à esquerda de Magrão, aos 36 minutos.

Quando num momento crítico do jogo todos apenas esperam a vitória do time esmeraldino, o zagueiro artilheiro dá a vitória ao Leão. Segundo tempo, 29 minutos – utilizando a jogada ensaiada de bola parada, já manjada desde o Campeonato Pernambucano, Luisinho Netto cobrou falta para Durval tocar de cabeça para as redes e marcar o quarto gol no campeonato.

Classificação:

Com o resultado, o Leão foi para 21 pontos ganhos na tabela e ocupa a nona posição. Quinta-feira a nação entra novamente em campo, dessa vez nos seus domínios, diante do Ipatinga, às 20:30.

– FICHA TÉCNICA: GOIÁS-GO 1 x 2 SPORT-PE

Local: Estádio Serra Dourada, em Goiânia (GO)
Data: 27 de julho de 2008, domingo
Horário: 16 horas (de Brasília)
Árbitro: Pablo dos Santos Alves (RJ)
Assistentes: Alexandre Antônio Pruinelli Kleiniche e José Javel Silveira (ambos do RS).
Cartões amarelos: Schwenck e Rafael Marques (Goiás); Roger, Durval, Carlinhos Bala, Dutra e Igor (Sport)
Gols: GOIÁS: Vítor, aos 37 minutos do primeiro tempo. SPORT: Júnior Maranhão, aos 33 minutos do primeiro tempo, e Durval, aos 29 minutos do segundo tempo.

GOIÁS: Harley; Ernando, Henrique e Rafael Marques; Vitor, Fábio Bahia, Pituca (Adriano Gabiru), Paulo Baier e Romerito; Iarley e Alex Terra (Schwenck).
Técnico: Hélio dos Anjos.

SPORT: Magrão, Diogo (Luisinho Netto), Igor, Durval e Dutra; Junior Maranhão (Fábio Gomes), Everton (Gabriel), Moacir e Carlinhos Bala; Luciano Henrique e Roger.
Técnico: Nelsinho Batista.

– MAIS DETALHES SOBRE O JOGO? ACESSE A NOTÍCIA CLICANDO NO TÍTULO.

25
jul
08

Pós-Jogo: Paredões defensivos são os destaques. Sport 1 x 0 Atlético Paranaense.

Comemora, Luciano - o gol é seu!

Comemora, Luciano - o gol é seu!

O Atlético Paranaense, de Roberto Fernandes, chegou ao Recife querendo um empate. Seria uma missão muito complicada para eles a conquista dessa vitória de um ponto – era impossível – e o resultado mostrou. Sport 1 x 0 Atlético Paranaense.

Com as ausências de Diogo, Durval, Sandro Goiano e do fantasmagórico 3-5-2, o time se portou defensivamente, desde o início, atitude decisiva para o título da Copa do Brasil e recuo estratégico utilizado também pelo adversário, o que deixou o jogo bastante truncado. Carente em lances criativos e conclusões efetivas, restou aos homens do meio tentarem. Júnior Maranhão arriscou de fora da área e Fumagalli por pouco não recebeu a ajuda do montinho artilheiro para abrir o placar. Fim do primeiro tempo.

Para melhorar a velocidade e o índice de passes acertados da equipe, Nelsinho dá um fim na participação de Cassio Lopes e tira do banco o injustiçado Luisinho Netto, saído das cinzas com energias revigoradas para ser um dos heróis do jogo.

Logo no começo do segundo tempo, aos cinco minutos, a dupla Luisinho e Luciano Henrique ensaia o que viria a ser o gol. Dois minutos depois, ao ganhar a bola na direita o lateral toca para o meia-atacante, que dá um corte em Alan Bahia e com o pé esquerdo na entrada da área conclui com classe no canto esquerdo de Galatto. Terceiro gol de Luciano no campeonato, artilheiro da equipe ao lado de Durval. Até a segunda metado da etapa final o time paranaense continuou sua retranca, até alterar radicalmente seu sistema de jogo, fazendo entrar três atacantes no time. Com uma legião ofensiva o Atlético abriu espaço no meio, permitindo um maior domínio do Sport, que mais uma vez desperdiçou os lances ofensivos, pela carência de um matador. Ainda levamos uma bola na trave no finalzinho. E foi só.

Agora o Sport passa a ocupar a 12ª colocação, com 18 pontos ganhos.

Nossos heróis entram em campo no próximo domingo, para encarar no Serra Dourada a equipe do Goiás. Será o primeiro jogo de Romerito contra seu antigo clube.

– FICHA TÉCNICA: SPORT 1 x 0 ATLÉTICO/PR

Local: Ilha do Retiro, em Recife (PE)
Data: 24 de julho de 2008, quinta-feira
Horário: 20h30 (de Brasília)
Árbitro: Djalma Jose Beltrami Teixeira (Fifa-RJ)
Assistentes: Hilton Moutinho Rodrigues (Fifa-RJ) e Marcelo Fonseca Duarte (RJ)
Cartões amarelos: Carlinhos Bala, Dutra, Daniel Paulista (Sport); Júlio dos Santos, Márcio Azevedo, Ferreira (Atlético-PR).
Gol: SPORT: Luciano Henrique, aos sete minutos do segundo tempo.

SPORT: Magrão; Cassio Lopes (Luisinho Netto), Gabriel, Ígor e Dutra; Daniel, Júnior Maranhão (Fábio Gomes), Fumagalli (Juninho) e Carlinhos Bala; Luciano Henrique e Roger.
Técnico: Nelsinho Baptista.

ATLÉTICO-PR: Galatto; Chico, Rhodolfo e Danilo; Douglas Maia (William), Alan Bahia, Valencia, Ferreira e Márcio Azevedo (Anderson Aquino); Julio dos Santos (Pedro Oldoni) e Joãozinho.
Técnico: Roberto Fernandes.

– Mais detalhes sobre o jogo? Acesse a notícia clicando no título:

20
jul
08

Pós-Jogo: Roger marca, Magrão defende pênalti e o Sport sai derrotado! Santos 1 x 0 Sport.

O Sport gosta de alegrar umas viúvas, hein? Tiramos o Santos da cova! Depois de 10 rodadas sem vencer e com o técnico Cuca já pedindo pra ir embora, o peixe, mesmo com um futebolzinho chulé, se deu conta de que estava em casa e conseguiu o resultado – coisa que o assistente não deixou o nosso Roger fazer. Mesmo assim, um time que após a conquista da Copa do Brasil tinha a pretensão de chegar longe no Brasileirão, não pode depender ou choramingar por gol impedido, contra um fraquíssimo lanterna – que as atitudes dos alvirrubras, tão criticadas, não sejam repetidas agora.

Com o resultado o Sport é agora o 14º colocado, com 15 pontos.

O próximo compromisso é quinta-feira, frente o Atlético Paranaense, às 20h30 na Ilha do Retiro.

Ficha Técnica – SANTOS 1×0 SPORT

Local: Vila Belmiro, em Santos (SP)
Data: 20 de julho de 2008, domingo
Horário: 16 horas (de Brasília)
Árbitro: Luiz Alberto Sardinha Bites (GO)
Assistentes: Ediney Guerreiro Mascarenhas (RJ) e Cláudio José de Oliveira Soares(RJ)
Público: 13.970
Cartões amarelos: Fabiano Eller, Michael, Kleber (Santos); Diogo, Daniel, Igor, César, Fumagalli (Sport)

Gol:
SANTOS: Kléber Pereira, aos 43 do primeiro tempo

SANTOS: Felipe; Marcelo, Fabão, Fabiano Eller; Apodi (Fabiano), Adriano, Kleber, Molina e Michael (Dionízio); Cuevas (Maikon Leite) e Kléber Pereira.
Técnico: Cuca

SPORT: Magrão; Gabriel, Igor e César (Luciano Henrique); Diogo, Daniel, Fumagalli, Sandro Goiano (Junior Maranhão) e Dutra; Carlinhos Bala e Roger (Enilton)
Técnico: Nelsinho Batista

Mais detalhes sobre o jogo? Acesse a notícia clicando no seu título:

10
jul
08

Pós-Jogo: Entramos em campo hoje? Vasco 4 x 0 Sport.

Um Sport de pernas abertas, foi isso que pudemos ver hoje à noite, no jogo frente ao Vasco, em São Januário. O resultado não poderia ser diferente – 4×0.

Dominando o primeiro tempo e criando um número maior de jogadas perigosas a equipe parecia dar sinais de que lutaria pela vitória. Foi apenas um engano. Aos 35 minutos, Morais marcou o primeiro e começou o passeio. No segundo tempo, Pablo prossegue aos nove, Jean, aos vinte e dois, e três minutos depois, o aposentado Edmundo fecha a conta. Assim, após o resultado infeliz, o Sport dorme esta noite na 16ª posição, com 11 pontos.

Domingo o Sport vai até o estádio dos Aflitos enfrentar o Náutico no Clássico dos Clássicos, às 18:10.

Para acessar a notícia, clique no seu título:




Arquivos

+ De Primeira

- No Orkut.
- No BlogBlogs.

Visitantes do Blog

  • 85,831 acessos

Acessos De Primeira pelo mundo

Na Boca do Povo

- "Um grupo de torcedores do Sport criou o blog De primeira, que logo após a conquista do título nacional recebeu mil visitas. Um número muito bom para quem ainda está apenas começando." Blog do Torcedor JC

- "Os Rubro Negros do Blog de Primeira querem saber como anda o basquete feminino do Sport no Campeonato Paulista e qual foi a melhor colocação do time no Nacional Feminino." Coluna Cestinha, do Jornal do Commercio

Calendário

dezembro 2017
D S T Q Q S S
« jan    
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
31